Sanity of corn grains as a function of genetic material

L. F. Oliveira, J. V. Donato, S. Ruffato, S. M. Bonaldo

Resumo


Diseases that occur in corn crops can cause great losses to farmers and consumers of its product and derivatives. So, was evaluated the sanity of maize grains in different genetic materials. The grains used were obtained from the crop of 2014/2015 on a farm in the city of Sorriso, State of Mato Grosso. For this, grain samples were collected from hybrids P3630H, 30F53YH, P2830H, and P3844H. The standard test ("Blotter Test") allowed noticing the incidence of Aspergillus sp., Fusarium sp. and Penicillium sp. Data were submitted to analysis of variance and Scott-Knott test at 5% probability. In treatments with the resistant genetic material the genus with the highest incidence was Penicillium sp. (82%), followed by Fusarium sp. (68.75%) and Aspergillus sp. (15.25%). The hybrid with the lower incidence of Fusarium sp. was P2830H (59%). The hybrid with greater resistance to Aspergillus sp. and Penicillium sp. was P3844H (5 and 55%, respectively). The most susceptible hybrid to pathogens Aspergillus sp., Fusarium sp. and Penicillium sp. was 30F53YH (37, 79 and 94%, respectively). For the better sanitary quality of grains, based on the observed data, it is recommended to use the hybrid P2830H


Palavras-chave


Zea mays L., quality, hybrid, control, Aspergillus, Fusarium and Penicillium

Texto completo:

PDF

Referências


BENTO, L. F. Qualidade física e sanitária de grãos de milho armazenados em Mato Grosso. 71 f. (Dissertação de mestrado) – Universidade Federal de Mato Grosso, Cuiabá, Brasil, 2011.

BORÉM, A., GIÚDICE, M. P. Cultivares transgênicos. In: GALVÃO, J.C.C., MIRANDA, G.V.(ed.) Tecnologias de Produção do Milho: economia, cultivares, biotecnologia, safrinha, adubação, quimigação, doenças, plantas daninhas e pragas. 4ed. Viçosa, Brasil. p. 85-108, 2004.

BORTOLINI, C.G. Sistemas produtivos de milho no estado do Mato Grosso. 2007. Artigo em Hypertexto. Disponível em: . Acesso em: 18/1/2017.

BRASIL, Ministério da Agricultura e da Reforma Agrária. Regras para análise de sementes. Brasília: SDA – Secretária de Defesa Agropecuária. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. 2009. 200p.

CANTERI, M.G., ALTHAUS, R.A., VIRGENS FILHO, J.S., GIGLIOTI, E.A., GODOY, C.V. SASM – Agri: Sistema para análise e separação de médias em experimentos agrícolas pelos métodos Scott – Knott, Tukey e Duncan. Revista Brasileira de Agrocomputação, v.1, p.18-24, 2001.

CASELA, C.R., FERREIRA, A.S., PINTO, N.F.J.A. Doenças na cultura do milho. In: CRUZ, J.C., KARAM, D., MONTEIRO, M.A.R. (ed.) A cultura do milho. 1ed. Sete Lagoas, Brasil. p. 215-254, 2008.

COLLINS, A. A origem do milho e a espiritualidade. Recanto das Letras, 2006. Artigo em Hypertexto. Disponível em: . Acesso em: 18/1/2017.

CONAB, COMPANHIA NACIONAL DE ABASTECIMENTO. Acompanhamento da safra Brasileira: grãos safra 2014/2015 Oitavo levantamento, Brasília, Brasil 118 p. 2015.

CRUZ, J.C., DA SILVA, G.H., FILHO, I.A.P., NETO, M.M.G., MAGALHÃES, P.C. Caracterização do cultivo de milho safrinha de alta produtividade em 2008 e 2009. Revista Brasileira de Milho e Sorgo, v.9, p.177-188, 2010.

DILKIN, P., MALLMANN, C.A., SANTURIO, J.M., HICKMANN, J.L. Classificação macroscópica, identificação da microbiota fúngica e produção de aflatoxinas em híbridos de milho. Ciência Rural, v.30, p.137-141, 2000.

DUARTE, A. P. Milho safrinha: características e sistemas de produção. In: GALVÃO, J.C.C., MIRANDA, G. V. (ed.) Tecnologias de Produção do Milho: economia, cultivares, biotecnologia, safrinha, adubação, quimigação, doenças, plantas daninhas e pragas. 4ed. Viçosa, Brasil. p.109-138, 2004.

FERNANDES, F.T., OLIVEIRA, E. Principais doenças da cultura do milho. Sete Lagoas: Embrapa, Circular técnica 26, 80p., 1997.

FORNASIERI FILHO, F.D. A planta. Manual da cultura do milho. Jaboticabal, Brasil. 576p. 2007.

MAZIERO, M.T.; BERSOT, L.S. Micotoxinas em alimentos produzidos no Brasil. Revista Brasileira de Produtos Agroindustriais, Campina Grande, Brasil 12: 89-99, 2010.

MONTEIRO, M.C.P. Identificação dos fungos do gênero Aspergillus e Penicillium em solos preservados do cerrado. 76 f. (Dissertação de mestrado) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, Brasil, 2012.

OLIVEIRA, E., FERNANDES, F.T., CASELA, C.R., PINTO, N.F.J.A., FERREIRA, A.S. Diagnose e controle de doenças na cultura do milho. In: GALVÃO, J.C.C., MIRANDA, G.V. Tecnologias de Produção do Milho: economia, cultivares, biotecnologia, safrinha, adubação, quimigação, doenças, plantas daninhas e pragas. 4ed. Viçosa, Brasil. p. 227-268, 2004.

PEREIRA, O.A.P., CARVALHO, R.V., CAMARGO, L.E.A. Doenças no milho. In: KIMATI, H., AMORIM, L.; REZENDE, J.A.M., BERGAMIN FILHO, A., CAMARGO L.E.A. Manual de fitopatologia: doenças das plantas cultivadas. 4ed. São Paulo, Brasil. p.477-488, 2005.

PINTO, N.F.J.A. Grãos ardidos em milho. Sete Lagoas: Embrapa Milho e Sorgo. Circular Técnica 66, 6p., 2005.

PIONEER. Ficha técnica do Produto: Híbridos de milho, 2016. Artigo em Hypertexto. Disponível em: . Acesso em: 18/1/2017.

PEZZINI, V., VALDUGA, E., CANSIAN, R.L. Incidência de fungos e micotoxinas em grãos de milho armazenados sob diferentes condições. Revista do Instituto Adolfo Lutz, v.64, p.91-96, 2005.

SILVA, D.D.; COSTA, R.V.; COTA, L.V.; LANZA, F.E.; GUIMARÃES, E.A. Micotoxinas em cadeias produtivas do milho: riscos à saúde animal e humana Documentos / Embrapa Milho e Sorgo,193, 27p., 2015.

SCHUELTER, A.R., SOUZA, I.R.P., TAVARES, F.F., DOS SANTOS, M.X., OLIVEIRA, E., GUIMARÃES, C.T. Controle genético da resistência do milho a mancha por Phaeosphaeria. Revista Brasileira de Milho e Sorgo, v.2, p.80-86, 2003.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.