Definition of management zones for zinc levels in function of the use of soil and landscape position

R. L. Bastos, B. M. R. Melo, M. S. Oliveira, C. M. Paglis

Resumo


Zinc (Zn) is one of the most important elements on plant nutrition.  Zinc participates in a large number of enzymes, and its basic functions in the plant are related to the metabolism of carbohydrates, proteins and phosphates. Furthermore, Zn acts in the formation of auxins, RNA, and ribosomes (BORKERT, 1989). This work aimed at evaluating the Zn contents in soils from Inconfidentes region, Minas Gerais State, Brazil. The tool used to conduct this study was the geostatistical analysis with the aid package geoR (RIBEIRO JR. E DIGGLE, 2001) R software (R CORE TEAM, 2016). From the analysis, it was possible to conclude higher soil zinc levels were found in regions with higher elevation as well higher latitude and longitude

Palavras-chave


Zinc Content, Geostatistical Analysis, R Software

Texto completo:

PDF

Referências


BORKERT, C. M. Micronutrientes na planta. In: BÜLL, L. T.; ROSOLEM, C. A. Interpretação de análise química de solo e planta para fins de adubação. Botucatu: Fundação de Estudos e Pesquisas Agrícolas e Florestais, 1986. p. 309-329.

GUIMARÃES, P. T. G. et al. Cafeeiro. In: RIBEIRO, A. C.; GUIMARÃES, P. T. G.; VENEGAZ, V. H. A. Recomendações para o uso de corretivos e fertilizantes em Minas Gerais: 5ª aproximação. Viçosa, MG: UVF, 1999. Cap. 3, p. 21-27.

GONÇALVES, A. C. A.; FOLEGATTI, M. V.; MATA, J. D. V. Análises exploratória e geoestatística da variabilidade de propriedades físicas de um Argissolo Vermelho. Acta Scientiarum, Maringá, v. 23, n. 5, p. 1149-1157, 2001.

JOURNEL, A. G.; HUIJBREGTS, J. C. H. Mining geostatistics. New York: Academic Press, 1978. 600 p.

MATHERON, G. Traité de géostatistique appliquée. Tome I. Memoires du Bureau de Recherches Geologiques et Minieres. No.14. Paris: Technip. 1962.

MOLIN, J. P. Definição de unidades de manejo a partir de mapas de produtividade. Engenharia Agrícola, Jaboticabal, v. 22, n. 1, p. 83-92, 2002.

MOLIN, J. P.; CASTRO, C. N. Establishing management zones using soil electrical conductivity and other soil properties by the fuzzy clustering technique. Science Agricola, Piracicaba, v. 65, p. 567-573, 2008.

OLIVEIRA, M. C. N. de. Métodos de estimação de parâmetros em modelos geoestatísticos com diferentes estruturas de covariância: uma aplicação ao teor de cálcio no solo. 2003. 138 p. Tese (Doutorado em Estatística e Experimentação Agronômica), ESALQ/USP, Piracicaba, 2003.

R CORE TEAM R: a language and environment for statistical computing. Vienna: R Foundation for Statistical Computing, URL http://www.R-project.org/. 2016. Software.

RIBEIRO JR, P. J.; DIGGLE, P. J. geoR: a package for geostatistical analysis. R NEWS, v. 1, n. 2, p. 14-18, June 2001. ISSN 1609-3631. Disponível em: http://CRAN.R-project.org/doc/Rnews/.

SOARES, M. A. Influência de nitrogênio, zinco e boro e de suas respectivas interações no desempenho da cultura de milho (Zea Mays L.) Piracicaba: USP, 2003. 112 p. Dissertação (Mestrado em Agronomia), ESALQ/USP, Piracicaba, 2003.

VIEIRA, S. R. Geoestatística em estudos de variabilidade espacial do solo. In: NOVAIS, R. F.; ALVAREZ, V. H.; SCHAEFER, C. E. G. R. (Ed.). Tópicos em ciência do solo. Viçosa MG: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo, 2000. v. 1, p. 1-53.

SALVIANO, A. A. C. Variabilidade de atributos de solo e de Crotalaria juncea em solo degradado do município de Piracicaba-SP. 1996. 91 p. Tese (Doutorado em Agronomia), ESALQ/USP, Piracicaba, 1996.

YAMAMOTO, J. K.; Landim, P. M. B. Geoestatística: conceitos e aplicações. São Paulo: Oficina de Textos, 2013, 215 p.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.